10 mitos que você deve parar de acreditar sobre seus animais de estimação

0

Os animais de estimação confiam em nós para cuidar deles, por isso é importante entender suas necessidades. Mas algumas das coisas que achamos que sabemos sobre nossos animais de estimação simplesmente não são verdade. Conheça 10 mitos sobre cães, gatos, peixes, coelhos e outros animais para evitar erros ao cuidar deles.

Cenouras são uma boa comida para coelhos

Ao imaginar um coelho comendo, em sua mente provavelmente ele está comendo uma cenoura. Mas essa não é uma imagem precisa da nutrição ideal de um coelho. Essa é uma imagem que está gravada em seu cérebro graças a personagens fictícios, como o Pernalonga.

Os criadores do personagem foram inspirados por uma cena do filme “Aconteceu Naquela Noite”, em que o personagem de Clark Gable enche a boca com cenouras enquanto age como um sabe-tudo indiferente. Outra inspiração para o personagem foi o comediante Groucho Marx, que muitas vezes carregava um charuto em sua boca, mas no caso do Pernalonga era sua cenoura.

O que os coelhos da vida real pensam das cenouras? Eles costumam gostar delas, porque as cenouras são muito mais doces do que os outros alimentos que normalmente comem. Mas normalmente os coelhos comem feno, grama e folhas verdes. Eles não desenterram cenouras ou outros vegetais de raiz. Os veterinários recomendam que, se você der cenouras ao seu coelho, pense nelas apenas como um deleite e não como um alimento básico.

Os cães enxergam em preto e branco

É verdade que os cães não têm o mesmo tipo de visão de cores que nós, mas isso não significa que eles enxergam em preto e branco. Nós, humanos, temos três tipos de células cone em nossos olhos e elas podem detectar vermelho, verde e azul. A maioria dos outros mamíferos, incluindo cães, tem apenas dois tipos, que são azul e uma cor que está em algum lugar entre vermelho e verde.

Se você tem um amigo que é “daltônico” e tem dificuldade em distinguir o vermelho do verde, isso é semelhante ao que seu cão vê. Eles podem ver a maioria das cores muito bem, e veem o azul da mesma maneira que nós.

Peixes dourados pertencem a aquários

Um fato triste sobre cuidar de animais de estimação é que muitas vezes somos tão apaixonados por nossos amigos animais que só pensamos em como eles se encaixam em nossas vidas e esquecemos o que eles realmente precisam. Os peixes precisam de espaço para nadar e precisam de um ambiente com lugares para se esconder e brincar, e os aquários vazios não fornecem nenhuma dessas coisas.

Os peixinhos dourados geralmente são pequenos quando você os compra, mas isso é porque eles são bebês. Um peixe dourado adulto precisa de um mínimo de 40 litros de água, e isso é por peixe. Porém os peixes dourados que vivem em aquários geralmente ficam doentes e geralmente não vivem mais do que alguns anos.

Existem peixes que você não precisa alimentar

Alguns peixes, como os Bettas, costumam ser mantidos em pequenos recipientes, e é verdade que eles provavelmente não se importam tanto com esse ambiente quanto um peixe dourado.

Mas mesmo os bettas precisam de espaço e esconderijos, e também de alimentação. Muitas empresas tentam comercializar pequenos aquários, vasos e tanques minúsculos como se fossem apropriados para peixes pequenos como os bettas.

Porém, qualquer aquário pequeno ficará rapidamente cheio de resíduos e restos de comida, o que torna o aquário sujo e também insalubre para os peixes, então alguns desses vendedores alegam que você não precisa alimentar os peixes, ou que você apenas precisa alimentá-lo com uma quantidade muito pequena de comida.

Por um tempo, houve uma tendência de manter um betta em um aquário com uma planta como um lírio da paz. Supostamente o peixe vai mordiscar as raízes das plantas, e os excrementos do peixe vão nutrir a planta. Isso é, e sempre foi, besteira.

Os Bettas são carnívoros e comem insetos. Mordiscar raízes de plantas para eles é o equivalente a uma pessoa tentando comer o couro de seus sapatos quando tem fome. Se você ama seu betta ou qualquer outro animal de estimação aquático pequeno, faça um favor a ele e coloque-o em um aquário de pelo menos 15 litros.

Leite é bom para gatos

Os gatinhos bebem leite de suas mães, como fazem os bebês mamíferos, e quando são jovens podem desfrutar de um prato ocasional de leite. Mas os gatos adultos geralmente são intolerantes à lactose. Eles podem gostar do sabor do leite, mas depois ficam com diarreia. Dessa forma, é melhor não incluir leite na dieta regular do seu gato adulto.

Você pode resgatar um passarinho e mantê-lo como animal de estimação

Os pássaros geralmente cuidam bem de seus bebês, então às vezes entramos em pânico quando vemos um pássaro que claramente não é adulto e que não pode se defender sozinho.

Mas os filhotes de pássaros não estão livres para serem capturados. Normalmente, quando você vê um jovem pássaro solitário do lado de fora, é um filhote, o equivalente a um adolescente. Eles são barulhentos e estúpidos e não são muito bons em cuidar de si mesmos, mas todos nós também fomos em algum momento.

Porém, normalmente seus pais estão por perto, embora fora de vista, e o filhote tem uma chance muito maior de sobreviver na natureza do que com você, comigo ou até mesmo com um reabilitador de animais selvagens, a menos que você tenha certeza de que os pais foram mortos ou o pássaro está gravemente ferido.

Mesmo que você encontre um filhote de passarinho, ele não é um animal de estimação. Os bebês que caem do ninho podem ser colocados de volta. Seus pais não se importam se foram tocados por um humano. Eles estão apenas felizes por ter seu filho no ninho novamente. Se um ninho cair de uma árvore, você pode fazer um pequeno ninho com utensílios domésticos e colocar os bebês nele para aguardar o retorno de seus pais.

Os cães sabem o que fizeram de errado

Há um olhar que os cães às vezes nos dão depois de mastigar o tapete ou fazer cocô onde não deveriam. Essa aparência pode parecer semelhante a como uma pessoa ficaria quando se sentisse culpada, mas os cães não entendem a culpa da mesma forma que nós, nem podem filosofar sobre o certo e o errado.

Eles sabem quando você está com raiva, no entanto. Eles usam a linguagem corporal para enviar sinais como “por favor, não me machuque”, por exemplo. Estes são frequentemente chamados de comportamentos de apaziguamento e são apenas um reconhecimento do fato de que eles estão com problemas, não que eles tenham alguma compreensão do motivo pelo qual estão com problemas.

Você pode dar banho em qualquer animal de estimação

Normalmente, tomamos banho quando estamos sujos, então naturalmente assumimos o mesmo de nossos animais de estimação. E é verdade que cães e gatos podem tomar banho, e os cães podem até gostar disso.

Mas isso não é verdade para todos os animais de estimação. Para pequenos animais com pelo macio e fofo, como coelhos e hamsters, o banho pode ser perigoso. Seus pelos se aglomeram e podem demorar tanto para secar que correm o risco de ter um hipotermia.

Se seu pequeno animal de estimação tiver pelo emaranhado ou sujo de diarreia ou outros problemas de saúde, é mais seguro aparar o pelo do que tentar lavá-lo. Caso contrário, confie no seu animal de estimação para se limpar e forneça areia se for uma espécie que se dará banhos de areia, como os hamsters. Você também pode dar a um coelho um banho seco com amido de milho.

Cães envelhecem sete “anos de cachorro” todos os anos

Nunca houve qualquer base científica para a ideia de “anos de cachorro”. Embora a matemática mental possa ocasionalmente funcionar, já que um cachorro que morre aos 11 anos pode parecer um humano de 77 anos, o padrão não se mantém.

Diferentes tamanhos e raças de cães envelhecem de forma diferente. Na verdade, os cães tendem a amadurecer para algo como a idade adulta em seu primeiro ano ou aos dois anos de vida, tornando um cão de 2 anos tão maduro quanto um estudante universitário. Depois disso, a taxa de envelhecimento varia, com cães menores tendendo a viver mais.

Todos os papagaios falam

Muitos papagaios podem falar, mas nem todos escolhem fazer isso. Assim como você às vezes pode miar para seu gato de estimação, os papagaios imitam nossa fala porque acham que fazemos barulhos legais, mas muitos papagaios não se importam com nossas palavras e preferem inventar suas próprias coisas para dizer e imitar.

Outro mito é que os papagaios grandes são os únicos pássaros que falam, mas os membros menores da família dos papagaios às vezes falam também, incluindo periquitos e calopsitas. Novamente, alguns indivíduos podem optar por falar, enquanto outros não. O pássaro Mainá, um parente asiático do estorninho, é outro famoso locutor. Sabe-se que corvos também aprendem a falar.