Eleições 2020: abstenção é de 23,14% no 1º turno, anuncia TSE; entenda

0

Este ano uma grande parte da população brasileira não deixou de exercer a seu direito de ir às urnas.

De acordo com o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o percentual de eleitores que não comparecem para realizar a votação é consideravelmente baixo, pois havia uma expectativa de um número maior de abstenções, principalmente devido à pandemia.

O Presidente do TSE Luís Roberto Barroso comemorou o percentual de 23,14% de abstenções no primeiro turno das eleições deste ano, “Extraordinário”, disse o ministro.

De acordo com dados do TSE, 20,33% foi a porcentagem do ano de 2018, e 17,58% do ano de 2016. Mesmo com tantas restrições após o surgimento do novo Coronavírus, houve uma pequena diferença de números percentuais entres os anos citados.

“Como está em 99,9% [das urnas apuradas], pode ter algum grau de variação — 23,14% pode ter pequena variação, mas certamente vai ficar em menos de 23,5%.

ELEICOES 2020 543x360 1

“Extraordinário porque nas últimas eleições foi mais de 20% e nesta eleição, 23%, em meio a uma pandemia. Mais um fator que precisamos comemorar”, afirmou o ministro Luiz Roberto Barroso.

O dirigente ainda agradeceu o resultado, antes mesmo da apuração de 100% das urnas, o Tribunal Superior Eleitoral já estava com um número acima de 3,9 milhões de votos em branco, e 7 milhões de votos nulos, e ressalta que o eleitor que não realizou o seu voto no primeiro turno poderá se dirigir às urnas no segundo turno e votar normalmente.

A data para o 2º turno acontecerá no dia 29 de novembro de 2020. Conte o que você achou das eleições do primeiro turno nos comentários, se sente representado?