Primeira mulher Oficial-General da Força Aérea Brasileira

0

O dia 25 de novembro de 2020 entra como um marco na história da Força Aérea Brasileira. É a primeira vez que uma mulher, militar, é promovida para o Posto de Oficial-General da FAB.

A Brigadeiro Médica Carla Lyrio Martins, que é diretora do Hospital Central da Aeronáutica, foi promovida depois de uma reunião entre o Alto-Comando da Aeronáutica.

FAB3 1

Mas essa não é a primeira conquista da Brigadeiro Carla Lyrio. Médica natural de Belo Horizonte, ela também foi a primeira mulher da história brasileira a comandar uma Organização Militar da FAB.

Sobre a promoção, a Brigadeiro disse que era um privilégio ter sido escolhida e destacou que é uma honra ser a primeira mulher a ocupar o cargo. Ela pontua ainda que é uma alegria passar por esse momento e afirma que se sente honrada por fazer parte das forças armadas.

A Brigadeiro Carla Lyrio ingressou na carreira militar no ano de 1990 e em 2014 foi promovida ao Posto de Coronel.

As mulheres, que antigamente era raridade, hoje estão cada vez mais presentes na força aérea brasileira. Em 2015 já eram mais de 10 mil delas, ocupando os mais diversos cargos. Hoje esse número é ainda maior e as mulheres têm ingressado cada vez mais cedo. Algumas chegam com 17 anos de idade e fazem carreira.

Essa possibilidade só se tornou real em 1982, quando foram criados os quadros femininos de oficiais e de graduadas, depois os de Oficiais Intendentes em 1995. O resultado hoje é o que vemos: Primeira mulher Oficial-General da Força Aérea Brasileira.