Prefeitura e Conselho Municipal participam de evento nacional de inclusão de pessoas com deficiência

0

Porto Alegre

Para marcar o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, que ocorre em 3 de dezembro, a prefeitura participa da Conferência e Exposição Nacional de Inclusão e Acessibilidade – Reconecta. O evento é promovido pelo Ministério Público do Trabalho e segue até 5 de dezembro com o objetivo de ampliar e fortalecer o processo de inclusão e visibilidade das pessoas com deficiência nos mais variados segmentos da sociedade. Essa será a primeira edição nacional da iniciativa, que contará com atividades e debates ligados a temas como emprego, saúde, moradia e educação de pessoas com deficiência. 

A Prefeitura de Porto Alegre será representada na programação pela secretaria de Desenvolvimento Social e Esporte (SMDSE), por meio da Diretoria-Geral de Acessibilidade e Inclusão Social, Secretaria Municipal da Educação e Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência (Comdepa). Para o diretor de Acessibilidade e Inclusão Social da SMDSE, Jorge Brasil, é muito importante entender o significado desta ação. “Nos últimos anos, a prefeitura tem atuado nos mesmos temas do Reconecta, com projetos de políticas públicas que promovem a equidade entre as pessoas. Exemplos disso são a capacitação com monitoria para empregos do futuro na área de TI, em plataforma totalmente acessível, e atendimento em Libras de forma remota”, revela. “Repensar a atitude é se reconectar com esse mundo colaborativo. A cidade investiu em mais de três mil rampas de acesso, mas o maior crescimento foi o fortalecimento das ações de conscientização que sensibilizaram mais oito mil pessoas ao longo de suas ações alusivas, com forte atuação do Comdepa, sempre numa parceria grande do MPT”, enfatiza.

A programação é gratuita e será transmitida no canal do MPT no Youtube e acessada por meio do site oficial. No portal do Reconecta, também será possível encontrar documentos referentes às atividades bem como a programação de cada uma das três salas de transmissão. Além disso, o Reconecta disponibilizará em seu site oficial um mural de vagas de emprego para pessoas com deficiência.

De acordo com a vice-procuradora-geral do MPT, Maria Aparecida Gugel, o MPT deseja construir parcerias permanentes com as organizações da sociedade civil, que defendem os direitos humanos das pessoas com deficiência, as empresas que contratam trabalhadoras e trabalhadores com deficiência e/ou reabilitadas pelo INSS, e o Poder Público. 

Dia Internacional da Pessoa com Deficiência – A data foi instituída em 1992 com o intuito de conscientizar e sensibilizar a sociedade sobre assuntos ligados a esse público e promover a mobilização pela defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar das pessoas com deficiência.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apontam que um em cada quatro brasileiros tem algum tipo de deficiência, desde as mais simples até as mais severas.  Em 2016, um levantamento do Ministério do Trabalho demonstrou que, caso as empresas seguissem a lei, pelo menos 827 mil postos de trabalho estariam disponíveis para pessoas com deficiência. Apesar disso, pouco mais de 360 mil vagas haviam sido criadas naquele ano. Em 2017, esse número teve crescimento baixo e chegou a 403 mil, alcançando a marca de 486 mil em 2018.

Confira a programação de Porto Alegre

03/12 (quinta-feira) – 10 às 11h

Educação precoce e psicopedagogia inicial: modalidades de Atendimento Educacional Especializado na Educação infantil

Ministrada pelas professoras da rede municipal de Educação de Porto Alegre:

Simone de Lima Amaral – Pedagoga Especial, especialista em Neuropsicologia, AEE, Terapia de Estimulação Precoce, Professora de Educação Precoce na EMEEF Professor Elyseu Paglioli

Ana Cristina Del Grande Guaraldo – Especialista em Educação Especial e Processos Inclusivos, Mestre em Educação e Integrante do Serviço de EP/PI da PMPA

03/12- 11h às 12h

Programa Trabalho Educativo: inclusão além da escola

Ministrada pelas professoras da rede municipal de educação de Porto Alegre:

Cristiane Vieira Chagas – Mestre em Educação, pó- graduada em Educação Social, especialista em atendimento educacional especializado, professora da Sala de Integração e Recursos da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, coordenadora técnica do Programa de Trabalho Educativo

Fabíola Borowsky – Doutora em Educação, professora da Sala de Integração e Recursos da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, coordenadora técnica do Programa de Trabalho Educativo

04/12 (Sexta-feira) – 11h às 12h

Mil Brinquedos, Mil Sorrisos BR – Adaptação de brinquedos para crianças com deficiência

Ministrada pelo Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Design – PgDesign:

Eduardo Cardoso – Professor Adjunto do Departamento de Design e Expressão Gráfica da Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), Coordenador do Grupo COM Acesso – Comunicação Acessível Ufrgs

 

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Porto Alegre
Texto, edição e imagens: Equipe Prefeitura Municipal de Porto Alegre

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.