Após 22 dias de apagão no Amapá, rodízio terminou e energia foi retomada em 100%

0

O Estado do Amapá passou 22 dias sem energia elétrica. O estado foi afetado pelo incêndio que ocorreu nos transformadores da subestação de energia elétrica em Macapá, a principal do estado.

Depois de quase um mês em um rodízio, hoje (24) a energia do estado volta à normalidade, e foi reestabelecida 100%, depois da energização do segundo transformador. Foram dias difíceis para o estado, que passou por um período de completa instabilidade.

Em nota, a  Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) “O rodízio do fornecimento de energia foi oficialmente encerrado. […] Com este transformador operando, o fornecimento foi garantido em 100% para atender os 13 municípios que foram afetados com o acidente na Subestação Macapá no dia 3 de Novembro”.

O estado ficou na escuridão por 4 dias depois do primeiro curto, no dia 3 de novembro. Em 17 de Novembro, outro apagão, desta vez com uma duração de quatro horas.

A solução imediata estabelecida pela empresa responsável pela subestação, foi fazer um rodízio com a pouca eletricidade que podiam produzir. Eram 3 ou 4 horas de energia para cada região.

No último dia 21, o Presidente da República, Jair Bolsonaro, esteve no estado para uma visita e poder ver de perto o que estava ocorrendo por lá. Neste dia, alguns geradores termoelétricos foram colocados em funcionamento, para dar suporte à equipe do Governo Federal.

Hoje, terça-feira, 24 de Novembro, após 22 dias de instabilidade e rodízio, o estado volta a ter energia normalmente. Os efeitos deste desastre serão apurados nos próximos dias, mas já se espera grande prejuízo, principalmente a comerciantes.